Abalroamento em Fernando de Noronha
(recebido via WhatsApp)

Ocorrência:

No dia 16/10/2019 no Porto de Noronha, por volta das 5:45am, eu estava dormindo a bordo do veleiro Panda (nº 2818907225) e acordei com a colisão da embarcação que presta serviços à Ilha, “Topa Tudo” que estava sendo comandado pelo sr. Miguel.
Ao subir no convés, me deparei com a situação e imediatamente dei partida ao motor do Panda e engrenei a marcha ré para me safar. Não funcionou, pois o estrago já havia ocorrido.
A embarcação Topa Tudo, seguiu parcialmente sem governo e colidiu com outros veleiros que estavam ancorados no Porto de Noronha.

Ocorre que a embarcação “Topa Tudo” se aproximou do Porto de Noronha de forma incorreta. O capitão de forma perigosa navegou costeando Noronha, ao se aproximar do Porto, reduziu a velocidade e o vento que estava por volta de 18knots empurrou a embarcação de través fazendo com que ela derivasse até bater no veleiro Panda.
O canal de acesso ao Porto estava completamente livre, como é possível ver na foto tirada por mim minutos depois do acidente.
O correto seria que a embarcação “Topa Tudo” se aproximasse do Porto de Noronha pelo canal de acesso, que o levaria de proa ao vento até o Porto de forma mais adequada.

No Panda tivemos as seguintes avarias:

– Danificou o gurupés que segura a vela de proa.
– Danificou o lançador da âncora.
– Arranhou a borda boreste do barco.
– Cortou o cabo da 2ª âncora do Panda. (eu estava fundeado com duas âncoras em “V”), fazendo com que a âncora se perdesse no fundo do mar.

Pernambuco, 16 de outubro de 2019.

Marcos Saraiva.


Source

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here